Meu testemunho Parte I

Fui criada em em meio a muitas brigas e conflitos familiares.., com 13 anos comecei a sair para baladas, festas com amigos que me levavam.. com 15 anos tive minnha primeira relação sexual com um namorado de uma amiga.. só por aí vc ja pode perceber o que aconteceu.. comecei a me envolver com encostos que manifestavam e davam consultas dentro de minha casa, com 16 anos comecei a me envolver com homens casados eu tinha 16 e ele 29 anos.. daí começou toda a destruição em minha vida pois comecei a me relacionara com muitos homens casados eu era amante deles.. isso mesmo que vc ouviu "amante".. com um desses homens casados fiquei 5 anos seguidos sendo sua amante.. dos 18 aos 23 anos. Tinha muita depressão, bebia de cair a ponto de ser carregada por amigos.. tinha desejo de suícidio e me auto-destruía com orgias e muita prostituição.. tinha vários homens além dos casados.. me relacionei com traficante e era também sua amante vivia na boca de fumo preparando a bebida dos traficantes.. cheguei a traficar também para conseguir dinheiro para ir para o carnaval.. virava as noites nas esquinas bebendo e fumando.. a vizinhança aonde eu morava proibia suas filhas de andar comigo, pois eu era mal exemplo para elas.. não respeitava ninguém era autoritária e usava muitos pirscengs na orelha e no nariz.. dançava em baladas e ganhava concursos de dança.. tinha várias doenças tais como : gástrite, sistíte, problemas de fígado p/ causa da bebida forte, e quase leucemia não tinha quase sangue no corpo, que ocasionou várias internações.. tomava muita medicação para controlar as doenças e tinha insônia muita insônia..Enfim tinha uma vida completamente destruída quando conheci o trabalho da IURD..
Minha mãe ja vinha na IURD fazia algum tempinho eu fui a última a vir pois tinha muito preconceito contra as igrejas.. Mas quando me vi no fundo do poço internada em um hospital desinganada pela medicina pude então perceber que não havia mais nada para fazer pois meu sangue estava todo virando em água eu tinha que fazer uma transfusão de sangue eo hospital não tinha o sangue para me doar, eu tenho um tipo raro de sangue "o negativo" difícil de se encontrar..Através da fé de minha mãe que nunca desistiu de mim eu fui curada pelo SENHOR JESUS! pude ver então o poder de DEUS em minha vida, mas não foi o suficiente para me converter! eu até ia na IURD mas ainda mantinha minha relação com um rapaz que estava preso por assassinato.. Isso mesmo esse rapaz era temido na cidade e tinha assassinado uma sra a pauladas, e era dependente químico.. por três meses visitei ele no presídio.. e minha mãe sempre lá na fé orando buscando e fazendo propósitos em pró da minha libertação.. mãe é mãe não adianta nunca desistiu de mim.. pelo contrário dizia dentro de si:" Minha filha irá ser uma OBREIRA". tive 4 anos dentro da igreja perdida fazendo a minha vontade até que um dia caiu a ficha e me converti .. aparentemente.. continua..

6 comentários:

Adriana disse...

olá amiga li o seu testemunho muito forte essa é mas uma prova que Deus transforma e Deus renova ainda dizem que Deus não existe muito forte mesmo que Deus te abençoei e que voce nunca retroceda um forte abraço Adriana.

cristiane silva disse...

Olá Adriana DEUS teve muita misericórdia de mim e tem tido.. eu nunca esqueço de onde saí.. bjs!

Luciana Souza disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Luciana Souza disse...

Oi obreira!
Forte seu testemunho heim. Nem imaginava que a sra tivesse uma vida assim no mundo.
O blog está muito melhor agora, com esse fundo, mas vou te dar uma dica quando falarmos na IURD.
Bjus, e obrigada por visitar meu blog.

Antonio Batalha disse...

Creio que o mais importante é a nossa fidelidade a Deus, e se o nosso viver condiz com as nossas palavras decerto haverá grande fruto, e Jesus decerto será glorificado.
Um abraço.

Rosa Branca disse...

Testemunho de uma verdadeira vencedora, precisou passar por tudo isso para renascer e construir uma fé sólida e fortalecida.